Your web browser is out of date. For the best experience on Zimmer websites please upgrade to the latest version of Internet Explorer, Chrome, or Firefox.

Zimmer, Inc.

Sistema de joelho de alta flexibilidade unicompartimental Zimmer®

Descrição do produto

O sistema de joelho de alta flexibilidade unicompartimental Zimmer foi concebido para oferecer uma opção de intervenção precoce a doentes com artrite compartimental medial ou lateral. Com base no desenho bem-sucedido do joelho unicompatimental M/G ®, o joelho de alta flexibilidade unicompartimental Zimmer combina as inovações de implantação e dos instrumentos com conceitos de desenho comprovados para criar um sistema de joelho reproduzível para a população de doentes ativos da atualidade.

História clínica

O Sistema de joelho unicompartimental de alta flexão Zimmer baseia-se no desenho de implantes estabelecidos do sistema de joelho unicompartimental M/G, que tem mais de 15 anos de êxito clínico.2  A combinação destes conceitos de desenho comprovados e as diversas inovações de desenho demonstra já uma reduzida taxa de revisões no registo ortopédico australiano.

Sobrevivência clínica do sistema M/G Uni

unihighflexgraph-2
file

Inovações no desenho

O joelho de alta flexibilidade unicompartimental Zimmer combina os conceitos de desenho comprovados do sistema M/G Uni com diversas inovações de desenho de forma a satisfazer as exigências da população de doentes ativos da atualidade.

Cinemática

Côndilos posteriores aumentados

  • Permite uma flexão segura até 155°

Articulação arredondada sobre plano

  • Elimina a constrição do implante e permite uma inclinação varo/valgo de +/- 8° sem carga concentrada femoral no polietileno

Fixação

Dois pegs femorais com posicionamento ótimo

  • A localização dos pegs femorais muda com o tamanho para uma fixação ótima

Três pontos de fixação tibial

  • Dois pegs em ampulheta e uma aleta rotativa criam uma fundação forte para a fixação tibial

Replicação anatómica

Dimensionamento abrangente (com total permutabilidade)

  • Sete tamanhos femorais, seis tamanhos tibiais e superfícies articulares específicas para o tamanho tibial em incrementos de 1 mm

Adaptabilidade ao doente

  • Os componentes tibiais e femorais com formatos anatómicos são concebidos para replicar a anatomia natural

Versatilidade do sistema

O Sistema de joelho de alta flexibilidade unicompatimental Zimmer adapta-se a uma vasta gama de abordagens cirúrgicas de forma a satisfazer as preferências do cirurgião. Isto é possível através de um único sistema de instrumentos que pode ser utilizado com um bloco espaçador, intramedular ou extramedular.

Compatibilidade bicompartimental

O Joelho de alta flexibilidade unicompartimental Zimmer também pode ser utilizado com o sistema Gender Solutions ®PFJ, conferindo liberdade para efetuar procedimentos cirúrgicos mediais, laterais e bicompartimentais.

Referências

  1. Galante et al. The Progression of Patellofemoral Arthrosis after Medial Unicompartmental Replacement: Clinical Orthopedics and Related Research. 2004.
  2. Galante et al. Results of Unicompartmental Knee Arthroplasty at a Minimum of Ten Years of Follow-up. The Journal Bone Joint Surgery. 2005.
  3. Australian Orthopaedic Association National Joint Replacement Registry. Annual Report. Adelaide: AOA; 2009.

Indicações

Estes dispositivos são indicados para doentes com:

  • Articulações do joelho com dor e/ou incapacitantes devido a osteoartrite ou artrite traumática
  • Fraturas anteriores do planalto ou do côndilo tibial com perda de anatomia ou de função
  • Deformidades do varo ou do valgo
  • Revisão de procedimentos anteriores de artroplastia

Estes dispositivos destinam-se a ser exclusivamente utilizados com cimento.

Contraindicações

As contraindicações incluem:

  • História anterior de infeção da articulação afetada e/ou infeção local/sistémica que possa afetar a articulação prostésica
  • Reserva óssea insuficiente nas superfícies femorais ou tibiais
  • Imaturidade esquelética
  • Artropatia neuropática
  • Artrite reumatoide
  • Obesidade
  • Deformidades do varo ou do valgo superiores a 15 graus
  • Condrocalcinose
  • Osteoporose
  • Danos na cartilagem articular do compartimento oposto
  • Sinovite inflamatória
  • Osso com eburnação na articulação femoropatelar